Você voltaria para o Orkut?

Um anúncio deixou a internet em polvorosa nos últimos dias: o possível retorno do Orkut. Após oito anos do fim da rede social, o site Orkut.com foi reativado.

O criador da plataforma, o engenheiro de software Orkut Buyukkokten, publicou um comunicado no site afirmando que está construindo algo novo.

O Orkut, criado há 17 anos, foi febre nos anos 2000 e reuniu mais de 300 milhões de usuários por todo o mundo.

Com famosas comunidades, como a “Eu odeio acordar cedo”, scraps, depoimentos e joguinhos como o Colheita Feliz, a rede social era a queridinha dos brasileiros. Mas, com o sucesso do Facebook, o Orkut foi desativado pelo Google em 2014.

No comunicado, o fundador do Orkut falou sobre o sucesso da rede social. “Acredito que o orkut.com encontrou sua comunidade porque reuniu tantas vozes diversas de todo o mundo em um só lugar. Trabalhamos muito para tornar o orkut.com uma comunidade onde o ódio e a desinformação não fossem tolerados. Nos dedicamos muito para tornar o orkut.com uma comunidade onde você pudesse conhecer pessoas reais que compartilhavam seus mesmos interesses, não apenas pessoas que curtiram e comentaram em suas fotos”.

Orkut Buyukkokten afirmou acreditar “no poder da conexão para mudar o mundo”. Em seu anúncio, ele diz que é uma pessoa otimista e acredita que o mundo é um lugar melhor quando nos conhecemos um pouco mais.

“É por isso que criei a primeira rede social do mundo quando era estudante de pós-graduação em Stanford. É por isso que eu trouxe o orkut.com para tantos de vocês ao redor do mundo. E é por isso que estou construindo algo novo”.

Mesmo sem a confirmação do retorno do Orkut, o anúncio com a frase ao final “Vejo você em breve” foi o suficiente para deixar os internautas, principalmente da Geração Y (Millennials), ansiosos e vibrando com a possibilidade da rede social voltar ao ar.

E você, voltaria para o Orkut?

Por Luana Lazarini 
Imagem: Reprodução 


1 Comentários

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Concer