Dia das Mães deve movimentar R$ 782 milhões na economia fluminense

Data é a segunda mais importante do varejo e oferece oportunidade de fidelizar clientes


No Brasil, o Dia das Mães, é a segunda data mais importante do varejo, atrás somente do Natal e, atualmente, empatada com a Black Friday.
Segundo pesquisa feita pelo Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec RJ), mostra que 63,3% dos entrevistados pretendem presentear nessa data.

O levantamento mostra, ainda, que o gasto médio dos consumidores ficará em R$ 159, movimentando R$ 782 milhões na economia fluminense. Se comparado a 2021, o crescimento este ano será de 19,6%.

As roupas são as preferidas dos 33% dos consultados, seguidas de calçado, bolsa ou acessório (27,8%) e de perfume ou cosmético (27,1%).  Trinta e quatro por cento disseram que irão comprar mais de um tipo de presente.

Cinquenta e quatro por cento dos entrevistados afirmaram ainda que pretendem comprar seus presentes em lojas físicas, enquanto 13,9% em lojas virtuais. Trinta e um por cento disseram que pretendem comprar em ambos.

“Essa é uma data afetiva e com a atual flexibilização na circulação das pessoas, isso vai impulsionar a cadeia produtiva. O empresariado precisa estar atento para traduzir toda a afetividade que a data transmite com um bom planejamento. Ao adotar estratégias, o negócio conseguirá não só aumentar o volume de vendas e seu faturamento, como também fidelizar esse cliente, além de ajudar a divulgar sua marca para outros clientes”, explica Poliana Valente, analista do Sebrae Rio.


Saiba como aumentar as vendas através de campanhas comemorativas, como o Dia Das Mães

- Pense em promoções, descontos, benefícios atraentes e verdadeiros: com um preço justo para ambos os lados e informações verdadeiras quanto aos descontos e benefícios ofertados, avalie seu produto/serviço no mercado, quanto às tendências e os que possuem o maior giro no estoque.

Exemplos de benefícios podem ser bônus, brindes, kits de produtos ou serviços, cashback, condições especiais de pagamento, ou clube de vantagens. Mas lembrando sempre que essas ações precisam ser cumpridas pelo negócio que as oferece;

- Trabalhe da melhor forma os conceitos de figital e ominicalidade, onde o cliente amplia sua possibilidade de análise, escolha, pagamento, recebimento ou busca de seu produto ou serviço por mais de um canal da marca, quer no físico quer no virtual e, com isso, a empresa amplia a possibilidade de compra pelo cliente no seu negócio, fideliza e ainda conta com os mesmos na divulgação;

-Conheça seu cliente, como ele age e a melhor forma de se comunicar com ele: use de comunicação assertiva, diferenciada, direcionada e interessante para atraí-lo para o negócio.

Isso pode se dar com ações de experiências sensoriais, olfativas, visuais em espaços físicos, como também, live shoppings, reels, stories, banners, dentre outras, nos canais on-line;

- Fique atento e organize bem o estoque, logística e frete: garanta que seu estoque consegue atender a demanda, que seu produto ou serviço seja entregue até o prazo acordado previamente, em perfeito estado e qualidade de atendimento. E, quando possível, ofereça fretes mais convidativos ao cliente;

- Sempre que válido fique atento às questões socioambientais: demonstrando atenção e ações reais voltadas para sustentabilidade, pois o consumidor está cada vez mais consciente, receptivo e demandante dessa atitude. Como exemplo podemos trazer ações de doações, pegadas ecológicas, brindes sustentáveis, dentre outros;

- Observar a oferta e facilidade dos meios de pagamentos: quer no ambiente físico, quer no ambiente virtual do negócio, garantir que o pagamento seja um facilitador para o consumidor, através de formas de pagamento variadas, ágeis, de credibilidade e segurança, podem atrair e fidelizar muitos clientes. 

Assessoria Sebrae RJfull-width

Comentar

Postagem Anterior Próxima Postagem

Concer