Jovem trirriense conquista medalha de ouro em Olimpíada Internacional de Matemática



As Olimpíadas Científicas são eventos nacionais e internacionais que têm como objetivo estimular o aprendizado de estudantes sobre as mais variadas matérias escolares.

No Brasil não é diferente, diversas programações como estas são realizadas no país, que inclusive selecionam os estudantes brasileiros para participar das provas internacionais.

E na região, um nome vem se destacando pelo grande desempenho nas olimpíadas. Trata-se do jovem Caio Temponi, de apenas 13 anos.

No ano passado ele já havia passado em primeiro lugar no exame da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (Epcar), em Barbacena (MG), acertando todas as questões.

Agora, em 2021, Caio conseguiu mais uma conquista para sua coleção: a medalha de ouro na Olimpíada de Mayo nível 1 (até 13 anos). Ele foi o único brasileiro a levar a medalha dourada desta edição que contou com a participação de 12 países da América Latina.

Caio não foi apenas o único brasileiro com a medalha de ouro como também tirou a maior nota do exame: 44 pontos, enquanto os segundos colocados chegaram a 34 pontos.


Não para por aí

O objetivo agora de Caio é permanecer focado nos estudos, como conta sua mãe, Laurismara. “Continuar se dedicando nas olimpíadas, e também nos vestibulares de medicina, além dos concursos militares como o ITA [Instituto Tecnológico de Aeronáutica] e o IME [Instituto Militar de Engenharia].”

Ainda neste ano, Caio Temponi passou em primeiro lugar em Administração na Universidade Estadual do Ceará, além de ter tirado a quarta maior nota de todo o vestibular. Tudo isso com apenas 13 anos.

Laurismara explica um pouco sobre o segredo do excelente desempenho em tantas provas e olimpíadas. “Desde muito novinho ele sempre gostou muito de estudar e sempre teve muita facilidade com todas as matérias. A sua paixão pela matemática levou ele a essas conquistas.”

Confira também + Conheça Caio Temponi, o pequeno gênio trirriense que passou em 1º lugar na Epcar

Outro ponto destacado por Laurismara é o apoio dos pais na educação. “Nós sempre estivemos ao seu lado, ajudando com todo o suporte necessário para que ele desenvolvesse cada vez mais. Hoje moramos em Fortaleza, fomos convidados pelo principal colégio do país, focada em olimpíadas e também nas provas mais difíceis do Brasil, ganhando bolsa total de estudos.”


Sobre a Olimpíada de Maio

A Olimpíada de Maio é uma competição anual realizada para alunos do ensino fundamental e médio, disputada em dois níveis (Nível 1: para alunos até 13 anos e Nível 2: para alunos de até 15 anos), por países da América, Espanha e Portugal.

A primeira edição foi realizada em 1995 e desde lá o Brasil tem apresentado excelentes resultados, conquistando no total 281 medalhas. As provas são corrigidas sempre na Argentina, sede da comissão que organiza as provas.

Os representantes brasileiros são aqueles que, no ano anterior da competição internacional, conquistaram alguma medalha (ouro, prata ou bronze) ou receberam menção honrosa. Confira o resultado final da edição de 2021 clicando aqui.full-width

Comentar

Postagem Anterior Próxima Postagem

Concer