Aulas presenciais estão autorizadas em toda a rede estadual a partir desta segunda-feira, 16


Desde ontem (segunda-feira, 16), as aulas presenciais foram autorizadas a retornar em todo o território fluminense. Todos os protocolos sanitários necessários estão sendo devidamente cumpridos.

As orientações de higiene e o bandeiramento de risco estadual de covid-19 serão observados, a fim de que as atividades escolares presenciais ocorram de forma segura para estudantes e servidores.

De acordo com a resolução conjunta número 1.569, a Secretaria de Estado de Educação e a Secretaria de Estado de Saúde instituíram protocolos e orientações complementares para a garantia do atendimento escolar nas unidades de ensino da rede estadual e nas escolas da rede privada vinculadas ao Sistema Estadual de Ensino do Rio de Janeiro.

O propósito do documento é autorizar o funcionamento, acompanhamento e avaliação das unidades.

A nova legislação ainda leva em consideração o regramento municipal. Caso determinado município se manifeste contra a flexibilização do isolamento social de forma oficial, o ensino ficará exclusivamente remoto nessa região.

No entanto, há mudanças no bandeiramento. Agora, as escolas poderão oferecer aulas presenciais na bandeira vermelha.

Deve ser observado o seguinte percentual máximo diário de funcionamento, de acordo com a capacidade física de atendimento da unidade:
  1. De até 40% (quarenta por cento) da capacidade de atendimento da unidade escolar, no caso de bandeira vermelha;
  2. De até 70% (setenta por cento) da capacidade de atendimento da unidade escolar, no caso de bandeira laranja;
  3. De até 100 % (cem por cento) da capacidade de atendimento da unidade escolar, no caso de bandeira amarela e verde;

É importante frisar que todas as unidades escolares da rede estadual de ensino, independente da normativa em vigor, estarão abertas para atender à comunidade para retirada de material pedagógico, entrega de documentos, matrícula de alunos, retirada de kit alimentação, entre outras questões relativas à rotina administrativa.


Vacinação

Já são 95% dos profissionais da Educação que tomaram a primeira dose e 45% que estão com o ciclo vacinal completo.

Os servidores ficarão temporariamente afastados das atividades presenciais caso testem positivo ou tenham sintomas de covid-19, como febre, calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza, distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos.

Por Secom RJ
Imagem: Carlos Magnofull-width

Comentar

Postagem Anterior Próxima Postagem

Concer